Análise de trabalhos que investigaram contextos de formação de professores em Comunidades de Prática

Paulo Henrique Rodrigues, Márcia Cristina de Costa Trindade Cyrino

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar características de contextos de formação de professores, em Comunidades de Prática, que promoveram o desenvolvimento profissional de professores que ensinam matemática, investigados nos últimos anos por membros do Grupo de Estudo e Pesquisa sobre Formação de Professores que Ensinam Matemática – GEPEFOPEM. Para tanto, foi realizada uma leitura crítica das considerações finais de dissertações e teses vinculadas a esse grupo, para identificar as aprendizagens de professores em formação, a constituição/mobilização de conhecimentos e o desenvolvimento da identidade profissional. Foi possível observar que a oportunidade dos envolvidos, nestes contextos, de trabalhar coletivamente; preparar/organizar possíveis trabalhos a serem desenvolvidos em sala de aula; partilhar experiências; estudar e discutir conceitos matemáticos; trabalhar individualmente ou em pequenos grupos resolvendo tarefas, de modo a discutir as resoluções coletivamente; participar ativamente em seus processos de formação; expor seus erros sem constrangimentos; representam características recorrentes nas investigações e foram consideradas como potenciais para o desenvolvimento profissional de professores. 

Palavras-chave

Educação Matemática; Formação de Professores que Ensinam Matemática; Desenvolvimento Profissional; Comunidades de Prática

Texto completo:

PDF

Visualizações do PDF:

29 views


Visualizações do Resumo:

59 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
-->
Tema: Mpg. Customizado por: Articloud