Conversões entre representações dos números racionais: análise de aspectos matemáticos e cognitivos com uso de material manipulável

Palavras-chave: Número Racional, Conversão, Teoria dos Registros de Representação Semiótica

Resumo

O presente artigo é um recorte da pesquisa intitulada “Conversões entre Representações de Números Racionais: limites e possibilidades no uso de material manipulável”, desenvolvida no Programa de Pós Graduação em Educação Matemática e Tecnológica da Universidade Federal de Pernambuco (EDUMATEC-UFPE), que teve por objetivo investigar, à luz da Teoria dos Registros de Representação Semiótica, limites e possibilidades no uso de material manipulável em conversões entre representações de números racionais. A metodologia utilizada contou com a realização de um experimento piloto, com quatro materiais manipuláveis concretos, a partir do qual foi escolhido o Material Dourado Adaptado para o aprofundamento da análise e a conclusão da pesquisa. Neste recorte, detivemo-nos à discussão dos aspectos matemático e cognitivo dos resultados obtidos, considerando o aumento do índice de acertos dos alunos com o uso do manipulável na resolução das conversões e a prevalência da regra de codificação associada ao material dourado adaptado nos caminhos resolutivos bem sucedidos. O estudo indicou que a utilização do manipulável ofereceu um caminho resolutivo inicial e permitiu que os alunos pudessem responder corretamente a maior parte das questões. Também mostrou que a introdução do material dourado adaptado e, consequentemente, da regra de codificação a ele associada, nas conversões entre representações do número racional, gerou um êxito do ponto de vista matemático e abriu oportunidade para novas investigações sobre possíveis avanços também do ponto de vista cognitivo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AZEVEDO, E. D. M. Apresentação do trabalho matemático pelo sistema montessoriano. In: Revista de Educação e Matemática, n. 3, 1979 (p. 26-27).

BEHR, M. J; LESH, R.; POST, T. e SILVER, E. (1983). Rational number concepts. In: LESH, R. & LANDAU, M. (Ed.), Acquisition of mathematics concepts and processes. New York: Academic Press, p. 91-126.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: Matemática / Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC / SEF, 1998.

DALCIN, M; ALVES, S. Mosaicos no plano. Revista do Professor de Matemática, v. 40, p. 3-12, 1999.

DUVAL, R. Registros de representações semióticas e funcionamento cognitivo da

compreensão em matemática. In: MACHADO, S. D. A. Aprendizagem em matemática: Registros de representação semiótica. São Paulo: Papirus Editora, 2003, p.11-33.

__________.Semiósis e pensamento humano: Registros semióticos e aprendizagens

intelectuais. Tradução Lênio Fernandes Levy e Marisa Rosâni Abreu da Silveira. 1. Ed. São Paulo: Livraria da Física, 2009. (Fascículo I).

__________Ver e ensinar a matemática de outra forma: entrar no modo matemático de pensar: os registros de representações semióticas/organização Tânia M. M. Campos; (tradução Marlene Alves Dias) Raymond Duval. São Paulo: PROEM, 2011.

___________ Registros de representação semiótica e funcionamento cognitivo do pensamento. Revista Eletrônica de Educação Matemática – Revemat, Florianópolis, v.7, n.2, p.266-297, 2012. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/1981-1322.2012v7n2p266

__________. Entrevista: Raymound Duval e a Teoria dos Registros de Representação Semiótica. Revista Paranaense de Educação Matemática - RPEM, Campo Mourão, v.2, n.3, jul-dez. 2013. Entrevista concedida a FREITAS, J. L. M. de; REZENDE, V.

FERNANDES, N. R.; BELLEMAIN, P.M.B.; LIMA, J.M.F.; TELES, R.A.M. . Número racional e seus diferentes significados, Anais do 2º SIPEMAT, pp.1-22, 2008. Disponível em http://www.gente.eti.br/lematec/CDS/SIPEMAT08/artigos/CO-134.pdf Acesso em: 01/08/2016.

GITIRANA, V; CARVALHO, J. A matemática do contexto e o contexto na matemática. In: João Bosco Pitombeira Fernandes de Carvalho (Coord.), Coleção Explorando o Ensino, Matemática, v.17, Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2010, p.69-90.

______. A metodologia de ensino e aprendizagem nos livros didáticos de matemática. In: João Bosco Pitombeira Fernandes de Carvalho (Coord.), Coleção Explorando o Ensino, Matemática, v.17, Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2010.

KIEREN, T. E. Personal Knowledge of rational numbers: its intuitive and formal developmente. In: J. Hiebert and M. Behr (eds): Number Concepts and Operations in the Middle Grades. Hillsdale, New Jersey: Erlbaum, 1998.

LORENZATO, S. A. Laboratório de ensino de matemática e materiais didático manipuláveis. In: LORENZATO, Sérgio (org.). O Laboratório de ensino de matemática na formação de professores. Campinas: Autores Associados, 2006.

MANDARINO, M. C. F. “Números e operações”, in João Bosco Pitombeira Fernandes de Carvalho (Coord.), Coleção Explorando o Ensino, Matemática, v.17, Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2010, p. 97-134.

MENDES, I. A.; FILHO, A. S.; PIRES, M. A. L. M. Ábaco. In: MENDES, Iran Abreu (Org.). Práticas matemáticas em atividades didáticas para os anos iniciais. São Paulo: Livraria da Física, 2011. (77-94).

MINAYO, M. C. Pesquisa Social: Teoria, método e criatividade. 21 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 1994.

NUNES, T., BRYANT, P., PRETZLIK, U. & HURRY, J. The effect of situations on

children’s understanding of fractions. Trabalho apresentado no encontro da British Society for Research on the Learning of Mathematics. Oxford, June, 2003.

OHLSSON, S. Mathematical Meaning and Applicational Meaning in the Semantics of

fractions and Related Concepts. In: HERBERT, J. e BEHR, M. Numbers concepts and operations in the middle grades. Reston, VA: National Council of Teachers of Mathematics, p. 53-92, 1989.

PAIS, L. C. Uma análise do significado da utilização de recursos didáticos no ensino da geometria, 2001. Disponível em: http://www.ufrrj.br/emanped/paginas/conteudo_producoes/docs_23/analise_significado.pdf. Acesso em: 01/08/2016.

SOARES, K. M. Fundamentos e história da matemática. Indaial: Asselvi, 2007.

TURRIONI, A. M. S. O laboratório de educação matemática na formação inicial de professores. Dissertação de Mestrado. UNESP, Rio Claro, 2004.

TURRIONI, A. M. S.; PEREZ, G. Implementando um laboratório de educação matemática para apoio na formação de professores. In: LORENZATO, S. Laboratório de Ensino de Matemática na formação de professores. Campinas: Autores Associados, 2006. p. 57-76.

Publicado
2020-03-29
Como Citar
Melo, W. J. de A., & Teles, R. A. de M. (2020). Conversões entre representações dos números racionais: análise de aspectos matemáticos e cognitivos com uso de material manipulável. Revista De Educação Matemática, 17, e020007. https://doi.org/10.37001/remat25269062v17id328
Seção
Artigos Científicos